Segunda-feira, 27 de Fevereiro de 2006
Conficção
Fiz e arrependi-me...e depois arrependi-me de fazer o que fiz para não me voltar a arrepender do que tinha feito...OH DEUS MEU! QUE DIGO EU?

Sou tão poeta.



Ass: Rui


publicado por pseudopseudo às 11:48
link do post | comentar | favorito

1 comentário:
De Anónimo a 28 de Fevereiro de 2006 às 17:55
poeta, tu? "Fluido de auréola, transparente de Foi, oco de ter-se..." - entao que dizes do Pessoa? ;psms
</a>
(mailto:)


Comentar post